Sacramentos

Revisão Sacramental Catequética (7º Encontro – 1ª Parte)

Vaticano

Vaticano

Com felicidade aprendemos que, dentre as centenas de denominações cristãs, estamos naquela que foi prefigurada, fundada e amada pelo próprio Jesus, e já explicitamos todas as ligações desse fato virtuoso, como a confissão de São Pedro, a Fundação por Nosso Senhor, a Igreja em Pentecostes e as provas de que São Pedro realmente esteve em Roma, onde foi martirizado, culminando no crescimento do que hoje é nossa família, que não aceita egoísmos e reza pela Salvação de todas as pessoas, todos os dias, em todas as horas, sempre que se celebra uma Missa. Continuar lendo

Anúncios
Categorias: Doutrina, Sacramentos | Tags: , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Sacramento da Unção dos Enfermos (6º Encontro – 2ª Parte)

Sacramento da Unção dos Enfermos ou Extrema Unção

Sacramento da Unção dos Enfermos ou Extrema Unção

O Sacramento da Unção dos Enfermos tem o objetivo de operar a cura e libertação daqueles que sofrem de uma mácula ou enfermidade por meio de um rito aprovado pelo próprio Jesus, bem como encaminha os doentes terminais para o encontro do Reino dos Céus, onde toda a dor e todas as enfermidades não existem.

Tal Sacramento é implícito em Mc 6, 13: “Expeliam numerosos demônios, ungiam com óleo a muitos enfermos e os curavam”, e promulgado por Tg 5, 14s: “Está alguém enfermo, chame os presbíteros da Igreja, e eles façam orações sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor. A oração da fé salvará o enfermo e o Senhor o restabelecerá. Se ele cometeu pecados, ser-lhe-ão perdoados”. Continuar lendo

Categorias: Doutrina, Sacramentos | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Sacramento da Penitência (6º Encontro – 1ª Parte)

Sacramento da Penitência

Sacramento da Penitência

Conforme reiterado desde o princípio, os Sacramentos são gestos e ações sensíveis a realidade humana, que porém realizam ações sobrenaturais intangíveis à nossos sentidos, e é importante denotar que todos eles, sem exceção, possuem sua autoridade conferida à Igreja verdadeira de Cristo, ou seja, a Igreja Católica Apostólica Romana, por meio do próprio Jesus.

Vemos Jesus instituindo esse Sacramento na noite da Páscoa, conforme elucida o Evangelho de São João: “Recebei o Espírito Santo. Aqueles a quem perdoardes os pecados, serão perdoados; àqueles aos quais os retiverdes, serão retidos” (Jo 20, 21-22). Continuar lendo

Categorias: Doutrina, Sacramentos | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Sacramento da Ordem (5º Encontro – 2ª Parte)

O Sacramento da Ordem

O Sacramento da Ordem

No Antigo Testamento, vemos como Deus escolheu uma das Doze Tribos de Israel, a de Levi, para que seus membros se tornassem sacerdotes (cf. Nm 3, 11-13). O conjunto de ritos e sacrifícios desse período compõe a Antiga Aliança.

Jesus sofreu seu sacrifício para levar plenitude aos sacrifícios da Antiga Aliança, de modo a abolir o sacerdócio levita e instituir uma nova maneira de sacerdócio, onde Ele mesmo fosse o Único Sacerdote da Nova e Eterna Aliança.

Ele fez isso para que nossos pecados fossem definitivamente perdoados, e para que Deus permitisse tal coisa, o próprio Deus, de alguma forma, teria que se sacrificar em função de toda a humanidade. É impressionante notar que, para nossa absoluta sorte, Deus é verdadeiramente amor, e se fez homem com o intuito de que a Salvação fosse entregue em nosso meio. Continuar lendo

Categorias: Doutrina, Sacramentos | Tags: , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Sacramento do Matrimônio (5º Encontro – 1ª Parte)

Sacramento do Matrimônio

Sacramento do Matrimônio

A presença de Deus no âmbito familiar, além de benéfica, revela detalhes nítidos e expressivos sobre como nos organizamos, ou seja, como Deus queria que vivêssemos.

No século X a. C. os povos coexistentes, na maioria das vezes, haviam se entregado ao paganismo, e eram poligâmicos em sociedades patriarcais, ou seja, o homem podia se casar com várias mulheres, indicando superioridade.

É interessante notar que a narrativa bíblica, mesmo naqueles tempos remotos e embrutecidos, já era contrária a tal atitude, e a passagem de Adão e Eva, mais nitidamente enfatizada em Gênesis 2, 22-24; nos mostra que a família na mentalidade de Deus possui um homem e uma mulher, que se amam mutuamente, possuem toda a intenção de ficarem juntos, e a partir de um consentimento divino, uma permissão direta de Deus, se tornam uma só carne, deixando suas famílias originais. Continuar lendo

Categorias: Doutrina, Sacramentos, Santíssima Virgem Maria | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.